Guilherme Freire faz parte da nova geração de artistas cearenses. Trabalhando com fotografia analógica, explora sua relação íntima com o espaço urbano a partir da estética do cotidiano. Participou de exposições coletivas na Galeria Vicente Leite (2017) e da Feira Oriente de Artes Visuais (2019). Participou em 2020 da mostra virtual "Por Dentro de Um Tempo Suspenso" do Festival de Fotografia de Tiradentes. Expôs também em mostras independentes organizadas pelo Coletivo Muvuca, o qual fundou e integrou até 2018. Trabalha desde 2019 na Imagem Brasil Galeria, onde produz as atividades formativas e expositivas da instituição.

mail: gfreirec@outlook.com

instagram: @guilhermfreire